domingo, 4 de setembro de 2011

<<< Depredando, a Mixtape... volume 8 >>>

Black Mountain

Povo! MIXTAPE novinha em folha saindo do forno! Tem um hippie'n'roll garageiro dilícia para alegrar os cabeludos ("The Hair Song", do Black Mountain) e muito material para agradar aos estradeiros e easy-riders: como "Travelin' Band", com o Creedence pisando fundo numa de suas músicas mais quinta-marcha. 



Siga viagem na poesia de Bob Dylan, circa-Highway 61 Revisited, sendo cantada em ritmo de garage-rock pela charmosa Karen O, vocalista dos Yeah Yeah Yeahs... um primor! Esta vem da trilha sonora de I'm Not There, o filme de Todd Haynes que biografa surrealiza a vida de Mr. Robert Zimmermann. Depois aproveite pra correr dos hômi junto de Mick Jones, que aparece aqui reclamando punkmente contra a repressão policial no clássico do Clash "Police On My Back" (que aparece em versão ao vivo no Shea Stadium, aquele mesmo que acolheu tantos espetáculos-de-massa bombadaços durante a beatlemania). 

Na sequência tem dobradinha entre Mestres e Discípulos: quem leva adiante a "fitinha" (deixemos de "mixtape", que é muito americanismo!), no pós-Clash, é o Rancid. Neste som, Tim Armstrong, Lars Frederiksen e companhia moicanada fazem uma crônica social a respeito dos "Hooligans". Mais uma naquela veia ska-punk que, além de ter rendido "Time Bomb" e "Ruby Soho", ajuda a fazer do Life Won't Wait (1998) algo como o London Calling de outra geração (esta, que nasceu mais ou menos de 1980 pra frente...).


Tem ainda um clássico velocípede de Hendrix ("Crosstown Traffic", petardo do Electric Ladyland), uma soulzera maria-gasolina com Wilson Pickett (quem lembra do The Commitments, o filme?), uma funkeira que é quase sincretismo religioso com o Funkadelic, e um groove branquelo à la Television com os Strokes da melhor fase, reptilianamente mandando ver. (qual a melhor fase? Pra mim, ali do Is This It até o meio do Room On Fire, época em que os crédulos ainda acreditavam que eles seriam, enfim, a tão propalada quimera de jornalistinha de música, a "Salvação do Rock"...).

O Brasil? Desta vez, representado com só uma banda: os mineiros do Fusile, uma das melhores bandas ao vivo hoje-em-dia, os caras que fizeram com o Coconut Revolution um dos EPs mais duravelmente empolgantes do rock brasileiro recente. Esta é uma mescla linguística de inglês e espanhol (tal como Black Francis, nos Pixies, os belorizontinos adoram a sonoridade do castelhano...) e versa sobre um grande dilema da condição humana: descobrir-se sem dinheiro para pagar a conta depois de ter enchido a cara num pub.

Curtam ae!

* * * * *


Grande parte dos sons abaixo eu rolei @Metrópolisretrô, pub de Goiânia, durante a Pré-Festa do 10º Festival Vaca Amarela. No próximo fim-de-semana, ouso dizer que não existe nada acontecendo no Brasil, culturalmente falando, de tão interessante quanto a 10ª edição anual consecutiva do Vaca: serão 48 bandas em 3 dias de festa, do hardcore ao brega, da MPB cabeça ao heavy metal, do rap ao pop e deste ao punk... Sem falar nas Artes Integradas e nas muitas Devassas geladas, que também prometem fazer a alegria de muita gente que comparecer. Sou testemunha ocular de que Fósforo Cultural e parceiros estão em intenso processo de maquinação para fazer deste o melhor Vaca Amarela de todos os tempos - e tomara que o décimo seja só um degrau que conduz ao vigésimo! Quem estiver pela capital goiana entre os dias 09 e 11 de Setembro, pois, não deixe de conferir o 10º Vaca Amarela - no Centro Cultural Martim Cererê, R$ 20 o dia na Sexta e no Sábado, R$10 o antecipado para o Domingão; a partir das 18h na Sexta e no Sábado e a partir das 15h no Domingo. Menores de 16 anos só entram acompanhados. Os ingressos são limitados: 2.000 entradas por dia. Garanta o seu na Hocus Pocus, Ambiente Skate Shop ou Fábrica Cultura Coletiva. Hey ho?! LET'S GO!

* * * * *

                                                       
DEPREDANDO, A MIXTAPE
[VOLUME NÚMERO 8, Setembro '11]
Capa: Léger remixado
DOWNLOAD GRATUITO (75 MB)


01. BLACK MOUNTAIN - The Hair Song (Wilderness Heart) (3:54)
02. KAREN O - Highway 61 Revisited (I'm Not There OST) (3:58)
03. ROLLING STONES - All Down The Line (Exile On Main Street) (3:47)
04. THE CLASH - Police On My Back (Live At Shea Stadium) (3:28)
05. STROKES - Reptilia (Room On Fire) (3:41)
06. RANCID - Hooligans (Life Won't Wait) (2:32)
07. CREEDENCE CLEARWATER REVIVAL - Travelin' Band (Cosmo's Factory) (2:07)
08. YEAH YEAH YEAHS - Gold Lion (Show Your Bones) (3:09)
09. FUSILE - No Puedo Pagar (A Step Behind to Lose) (2:06)
10. FUNKADELIC - Who Says A Funk Band Can't Play Rock?! (One Nation) (6:18)
11. WILSON PICKETT - Mustang Sally (soul classic) (3:05)
12. HENDRIX - Crosstown Traffic (Electric Ladyland) (2:24)

Dissemine e Semeie: http://www.mediafire.com/?ppbm7ixgc5gkt3r !

2 comentários:

↔ Badal ♣♠ disse...

Pô cara muito fudido seu blog ae !
Valeu pelo trabalho...! Parabéns

Eduardo Carli de Moraes disse...

Opa! Valeu aeee, rapá!
Aprecie sem moderação! (rs)